APREENSÃO DE DENTÍFRICOS

Em nota dirigida à ADECO, o Ministério da Economia, Crescimento e Competitividade informa que, na sequência das informações veiculadas pela ADECO, através da comunicação social, sobre uma possível contaminação de dentífricos à venda em lojas chinesas, a Inspecção Geral das Actividades Económicas efectuou, de 18 a 21 de Junho, diligências em vinte e seis estabelecimentos de venda a retalho pertencentes a chineses, na cidade da Praia, tendo apreendido vinte unidades de pastas de dentes. No entanto, nenhum dos produtos apreendidos era das marcas denunciadas pelo FDA, o órgão dos Estados Unidos da América responsável pela fiscalização de alimentos e medicamentos, como contendo glicoldietilénico, elemento usado como solvente em dentífricos e que, em doses elevadas, é nocivo à saúde pela sua toxicidade. A única infracção registada prende-se com o facto de as instruções nas embalagens apreendidas estarem redigidas seis em chinês e as restantes em inglês, o que contraria a lei que obriga à redacção das instruções também na língua oficial. Como o país não se encontra em condições de realizar a análise dos produtos, o Ministério da Economia, Crescimento e Competitividade alertou a Direcção das Alfândegas para “apertar o cerco” à entrada desse tipo de produtos em Cabo Verde e mandou retirar do circuito de venda pastas de dentes apreendidas da marca “Colgate”, fabricadas na África do Sul.  

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: